Linux – Criar Live USB com o comando DD

Dica rápida para criar um Live USB de um sistema GNU/Linux.

Atenção! A responsabilidade por qualquer alteração em seu sistema é só sua. Na dúvida, não faça nada.

Insira o pendrive e verifique onde foi montado com o comando df. Será mostrado algo assim:

fabio@meusistema:~$ df -h
Sist. Arq. Tam. Usado Disp. Uso% Montado em
/dev/sda1 192G 30G 153G 16% /
/dev/sdb1 2,8G 2,8G 0 100% /media/fabio/Ubuntu Live

Vá até o diretório onde está a ISO do sistema que quer gravar com o comando cd (cd /diretorio).

Digite dd if=ubuntu.iso of=/dev/sdb1 bs=512k.

Aguarde um pouco e pronto.

Mas, muito cuidado!

O comando dd server para fazer uma cópia exata (bit a bit) de um arquivo. Se você errar o destino pode sobrescrever algo inadvertidamente.

Sua sintaxe é dd if=origem of=destino. O bs significa block size – serve para dizer qual o tamanho de cada bloco da cópia.

Eu prefiro não ter pressa nesses casos. Uma cópia de qualquer arquivo em uma mídia, seja CD ou pendrive, deve ser lenta para evitar problemas.

Se for alterar o valor do bs, utilize algo factível com o sistema binário como 64k, 128k, 512k, 1M, etc.

É isso aí.

Abraço.

Anúncios

Rotacionar e alterar formato de vídeos no Linux com avconv

O avconv é um arquivo para mexer com arquivos de vídeo.

Há diversas possibilidades mas nesta dica mostrarei como converter formatos e rotacionar vídeos. Muito útil quando você tem um vídeo gravado com celular que ficam com a extensão 3gp e de cabeça prá baixo.

ATENÇÃO: a responsabilidade por qualquer alteração em seu sistema é só sua. Na dúvida, não faça nada!

Primeiro, instale o programa com sudo apt-get install libav-tools. Em seguida, entre no diretório que contém o(s) arquivo(s) que quer editar.

Conselho: faça uma cópia dos arquivos e mantenha-os salvos em outro diretório.

Podemos fazer o procedimento com um arquivo por vez ou vários.

Um arquivo – rotação

avconv -i arquivo_inicial.3gp -vf transpose=1,transpose=1 arquivo_final.mkv

Um arquivo – formato

avconv -i arquivo_inicial.3gp -codec copy arquivo_final.mkv

Vários arquivos – rotação

for f in *.*; do avconv -i arquivo_inicial.3gp -vf transpose=1,transpose=1 arquivo_final.mkv; done

Vários arquivos – formato

for f in *.*; do avconv -i “$f” -codec copy “${f%.*}.mkv”; done

Da maneira acima, o comando pega todos os tipos de arquivos (*.*), ou seja, você pode alterar mp4 e 3gp de uma tacada só. Se houver um arquivo com extensão que nada tem a ver com vídeo (.odt, por exemplo), não será tratado pelo comando.

Na minha opinião, o mais interessante é mover todos os arquivos que serão modificados para um diretório temporário e especificar no comando para onde quer enviar os arquivos finais. Nesse caso, basta acrescentar o nome do diretório antes do nome do arquivo, assim: for f in *.*; do avconv -i “$f” -codec copy “diretorio/${f%.*}.mkv”; done

É isso aí.

Abraço.