Erro do Virtualbox ao atualizar kernel no Ubuntu 10.04

Quando se atualiza o Kernel do GNU/Linux, às vezes, algum programa deixa de funcionar porque não foi projetado para acompanhar essas alterações. Um exemplo é o Virtualbox, da Oracle.

Atualizei o kernel do Ubuntu 10.04 para 2.6.32-31-generic. Ao iniciar uma máquina virtual Windows XP no Virtualbox 4.0, ocorreu um erro no driver do kernel linux como pode ser visto na imagem abaixo.

A solução do problema foi bem fácil e tranquila. Basta seguir os passos abaixo para resolver.

Atenção: a responsabilidade por qualquer ação feita em seu sistema é só sua! Na dúvida, não faça nada.

1) Acesse o terminal
2) Mude para root
3) apt-get install dkms
4) /etc/init.d/vboxdrv setup
5) Aguarde voltar para o prompt

Pronto. O Virtualbox foi atualizado para o kernel atual do Ubuntu e voltou a funcionar.

Perceba que não se deve tentar com sudo mas virar root para executar o comando diretamente, ok?

É isso aí.

Abraço,
Fábio

ATUALIZAÇÃO (03/10/2011 – 08:15h)

Ontem, tive o mesmo erro ao usar VirtualBox porque atualizei o Ubuntu para 11.04. O problema é que os procedimentos acima não resolveram.

Depois de fuçar muito, em logs e arquivos de configuração, resolvi testar um procedimento descrito aqui mesmo pelo Edu Carrega: sudo apt-get install linux-headers-2.6.38-10-generic-pae.

Pronto, voltou a funcionar perfeitamente.

Anúncios

Erro de Chave Pública – Parte III

Volto a falar sobre erro de chave pública pois, novamente, tive erro ao executar sudo apt-get update.

Já publiquei duas dicas sobre assunto (Parte I e Parte II) mas, dessa vez, não resolveram.

Procurei e achei no site de André Godin o seguinte comando:

sudo apt-key adv –keyserver keyserver.ubuntu.com –recv 34BA7AE9 && sudo apt-get update

Lembro que 34BA7AE9 são os últimos oito dígítos, da direita para a esquerda, da chave com problemas. Esse é o número da chave que deu erro para mim, troque pela que aparece para você.

É isso aí, abraços.

Fábio

Alterar Ubuntu 10.10 para Português do Brasil

O Ubuntu vem em Português mas não completamente.

Para tal, é necessário baixar o pacote language-support-pt via terminal. Em seguida, acesse Sistema, Administração, Suporte a Idiomas, clique na aba Texto, marque a opção Português (do Brasil) e em Aplicar Globalmente ao Sistema.

Reinicie e volte ao Suporte a Idiomas. Será mostrada uma mensagem dizendo que o suporte a idiomas não está totalmente instalado. Clique em Instalar Agora, repita o procedimento acima e reincie o computador.

Pronto, o Ubuntu 10.10 está totalmente em Português brasileiro. O Firefox, inclusive, já baixa os complementos necessários para si.

É isso aí. Abraço.

Instalar Java e Netbeans 7 no Ubuntu 10.04

Estou customizando o Ubuntu 10.04 que acabo de instalar em meu notebook Microboard Ultimate Black. Hoje, a dica é para instalar o Java e o Netbeans 7.

O Java é essencial hoje em dia e para acessar o site do Banco do Brasil, entre outros, é necessário ter o Java (JRE) atualizado e corretamente instalado. Já tenho uma dica sobre isso aqui mesmo mas é somente para instalar a JRE.

Estou estudando programação e utilizo o Netbeans que é da Oracle também e não roda sem Java (JDK). Tentei instalar um pacote JDK, baixado do site da Oracle, tentei instalar o Netbeans, também baixado do site da Oracle, mas nada funcionou.

Hoje, consegui. Seguem as instruções.

Atenção: a responsabilidade por qualquer ação feita em seu sistema é só sua! Na dúvida, não faça nada.

Primeiro, vamos instalar o Java.

1) Remova toda instalação de Java que possa haver em sua máquina com sudo apt-get remove –purge openjdk-*

2) Instale o Java JDK (ele contém o JRE também) com sudo apt-get update && sudo apt-get install sun-java6-bin sun-java6-fonts sun-java6-jre sun-java6-plugin sun-java6-jdk -y

3) Faça o download do Netbeans 7 aqui

4) Dê permissão de execução ao arquivo com sudo chmod +x netbeans-7.0beta2-ml-linux.sh

5) Instale o Netbeans com ./netbeans-7.0beta2-ml-linux.sh

Pronto. Sites como o do Banco do Brasil já aceitam sua conexão e o Netbeans é instalado corretamente.

É isso aí. Abraço.

ATUALIZAÇÃO (10-04/2011 – 20:12h) —> Tentei instalar plugins para Java no Netbeans e acusou ausência do JDK. Descobri que o arquivo netbeans.conf tem uma linha que indica o diretório onde está instalado o JDK e o meu estava errado, não enxergava o local correto.

Estava assim:

#Default location of JDK, can be overriden by using –jdkhome :
netbeans_jdkhome=”/usr/lib/jvm/java-6-sun/jre”

Ficou assim:

#Default location of JDK, can be overriden by using –jdkhome :
#netbeans_jdkhome=”/usr/lib/jvm/java-6-sun/jre”
netbeans_jdkhome=”/usr/lib/jvm/java-6-openjdk”

Comentei a linha errada e inseri a correta. Bastou reiniciar a IDE que passou a funcionar.

Atualização II – 18/08/2011

Na instalação do NetBeans 7.01 no Ubuntu 10.10 o problema com o caminho do JDK não ocorreu. Bastou seguir as instruções acima que já funcionou, perfeitamente.

Converter e instalar arquivos rpm no Ubuntu

Os arquivos rmp não são reconhecidos no Ubuntu portanto é necessário convertê-los para outro formato.

Para essa conversão basta utilizar o comando alien que, por não ser nativo do Ubuntu, deve ser baixado.

Vamos às instruções.

Atenção: a responsabilidade por qualquer ação feita em seu sistema é só sua! Na dúvida, não faça nada.

1) Baixar o comando: sudo apt-get install alien
2) Transformar o pacote rpm em deb: sudo alien pacote.rpm
3) Instalar o pacote deb gerado: sudo dpkg -i pacote.deb

Pronto. É assim que se instala um pacote rmp no Ubuntu.

É isso aí. Abraço.

Data em Formulários com PHP e MySQL

Depois de bastante tempo sem postar nada aqui, volto com uma dica para os nubs como eu em PHP e MySQL.

Tenho um projetinho de estudo para aprender PHP, MySQL, Javascript, HTML, CSS e POO (Programação Orientada a Objeto).

Nele, tenho uma página com um formulário de cadastro que faz um insert numa base de dados contendo nome, endereço, etc, e outra que busca os dados.

Estava tudo ok com um select * from tabela mas pensei em adicionar a data do cadastro de cada ítem a esse resultado. E foi aí que tive problemas.

O formato de data do MySQL é 2011-03-04 (ano-mês-dia) e eu queria o formato 04/03/2011.

Primeiro problema: inseri os dados na tabela e a data ficava como 0000-00-00. Descobri que o MySQL não gera a data, eu precisava informar então pensei em usar a função date() do PHP.

Até criei uma classe para formatar a data mas não adiantou, o insert me trazia a data invertida, 2011/03/04.

Foi aí que descobri uma maneira.

1) Informo a data com o PHP sem tratá-la. A função date() traz a data do sistema no formato 2011/03/04 e a cadastra nesse formato no MySQL. Não há conflito nenhum pois os formatos são iguais. Essa ação ocorre no script de inserção de dados.

2) Faço um select que formata a data usando date_format, uma função nativa do MySQL. Essa ação ocorre no script que busca os dados para mostrar na tela.

Veja os códigos.

1) Inserção dos dados:

$date = date(‘Y-m-d’);
$conbanco = new Conbanco();
$conbanco->conquer();
$grava = $conbanco-> quest (“INSERT INTO tabela VALUES (‘00000′,’$nome’…’$date’) ; “);

2) Seleção dos dados:

$conbanco = new Conbanco();
$conbanco->conquer();
$grava = $conbanco-> quest (“select *, date_format(data, ‘%d/%m/%Y’) as data from tabela order by data; “);

Veja que, no código 1, o valor da função date() é atribuído à variável $date que é inserida no banco com o insert.

No código 2, faço um select na tabela com uma instrução a mais, o date_format, e formato o valor do campo data.

É importante ressaltar que todas as palavras data contidas no select foram grafadas assim porque é o nome do campo na minha tabela.

O comando genérico seria “select *, date_format(xxx, ‘%d/%m/%Y’) as xxx from yyy;” em que xxx é nome do campo da sua tabela e yyy o nome da sua tabela.

Não sei se há maneiras melhores e se o que fiz traria algum problema em um sistema real. O que tenho é muito simples, para estudo, o que poderia ocultar algum erro mas, por enquanto, tudo funcionou perfeitamente.

É isso aí, fica a dica. Abraço.